PokerPT.com

Vitória de Elky no Colossus WSOPE – 2ª bracelete para Bertrand Grospellier

05/11/2019
PavlovDoorman

As World Series of Poker Europe de 2019, terminaram na noite passada com a vitória de Elky no Colossus WSOPE. Esta foi a 2ª bracelete para Bertrand Grospellier, que chegou 8 anos depois de ter ganho o evento #21 das WSOP 2011.

Significa muito porque é muito difícil conseguir uma. A primeira consegui após 5 ou 6 anos a participar nas World Series, mas isso já foi há 8 anos. Também é especial porque foi conseguira perante um field enorme, onde é ainda mais complicado ganhar. Se um torneio tem 2.700 entradas, tens de ter sorte, numa altura qualquer, para ganhar. É claro que também tens de jogar bem, mas é uma oportunidade rara. Estive a duas cartas de cair no 5º posto e agora sou o primeiro.

Bertrand Elky Grospellier

O Dia 3 do evento #15 das WSOPE – €550 Colossus No-Limit Hold’em, começou com 11 jogadores de um field total de 2.738 entradas. Grupo liderado pelo dinamarquês Mick Heder, e onde apenas 2 jogadores sabiam o que era ganhar uma bracelete World Series. Além de Elky, o outro ex-campeão era Shaun Deeb, dono de 4 braceletes e que além da disputa deste torneio estava ainda numa corrida particular, contra Daniel Negreanu ao título de Player of The Year.

Deeb entrou neste último dia na 3ª posição do ranking POY WSOP, e precisava de pelo menos chegar ao 5º lugar, para ganhar o ranking. Mas tal não aconteceu, mesmo que Deeb tenha começado com a 3ª maior stack entre os 11 finalistas.

Toda a gente estava ciente dessa corrida paralela de Deeb, e por isso foi com grande surpresa que se assistiu à saída de Deeb na 11ª posição. A primeira baixa deste último dia. Uma saída que se concretizou nos primeiros 40 minutos de acção. Deeb começou por dobrar Alessandro Pezzoli, perdendo mais de 2 milhões de fichas, perdeu mais 1.800.000 novamente contra Pezzoli e depois foi eliminado por Elky, que mereceu um agradecimento especial de Daniel Negreanu.

Deeb fez limp na SB e Elky check na BB.

Flop: Q109
Deeb apostou 250.000, e Elky respondeu com raise para 800.000, para call.

Turn: 10
Check de Deeb, Elky apostou 1.775.000 e Deeb depois e um minuto a pensar, anunciou all-in de 3.050.000. Instacall de Elky.

Deeb: J9
Elky: J8

River: A

Ficava resolvida a questão do POY, faltava saber quem ganharia o último torneio das WSOPE 2019.

Minutos depois da saída de Deeb, o italiano Pasquale Braco também caiu, dando espaço à mesa final de 9 lugares. Mesa onde o compatriota de Braco, Francesco Candelari, esteve menos tempo que os demais, perdendo às mãos de Avraham Dayan. Jogador israelita que também foi o responsável pela saída de Alessandro Pezzoli (8º).

No 7º posto ficou Sergii Karpov, jogador ucraniano que perdeu contra Marian Kubis num duelo de AQ contra A8 de Karpov. O 6º foi Christoph Peper, que com A10 perdeu contra AK de Mick Heder.

Foi neste período 5handed, que Elky passou para a frente, num double up que resultou numa stack de 26 milhões. Mão jogada contra Dieter Becker, e onde o alemão ficou reduzido a 800.000 fichas, que perdeu pouco depois para Marian Kubis.

Elky cavou um fosso para a concorrência ao eliminar Mick Heder no 4º posto. Elky com A8 bateu A9 de Heder, beneficiando de um 8 no flop. O francês passava a ter 38.000.000, e pouco depois passou a barreira dos 40 milhões, fazendo nova vítima:

Elky na SB foi all-in, e Kubis na BB, reduzido a 6.400.000, deu call all-in.

Elky mostrou AJ e Kubis tinha A6.

Flop: K87
Turn: 2
River: 5

Elky chegava ao heads-up com 42.025.000 fichas, contra 25.850.000 de Avraham Dayan. O israelita ainda conseguiu passar os 30 milhões de fichas, mas nunca conseguiu assumir a dianteira, e acabou por sucumbir da seguinte forma:

Bertrand Grospellier no botão fez raise para 2.000.000 (blinds em 500.000-1.000.000 e ante de 1.000.000), e Dayan respondeu com reraise para 6.000.000. Grospellier anunciou all-in e Dayan anunciou o call de imediato.

Elky: 1010
Dayan: A10

Flop: 742
Turn: 3
River: 4

 

# Jogador País Prémio
1 Bertrand Grospellier França €190.375
2 Avraham Dayan Israel €117.630
3 Marian Kubis Eslováquia €86.172
4 Mick Heder Dinamarca €63.670
5 Dieter Becker Alemanha €47.452
6 Christoph Peper Alemanha €35.674
7 Sergii Karpov Ucrânia €27.057
8 Alessandro Pezzoli Itália €20.703
9 Francesco Candelari Itália €15.984
10 Pasquale Braco Itália €12.453
11 Shaun Deeb EUA €12.453

*foto WSOP

€8 Grátis + Bónus 100% até €400

Sem Comentários



Deixe um Comentário