PokerPT.com

Depois da China, Macau e Taiwan, PokerStars também sai do mercado sérvio

Foi no início do mês que ficámos a saber que a PokerStars tinha saído de três países asiáticos: China, Macau e Taiwan. Agora a sala de poker online decido sair de  mais um país com o mercado de jogo online na “zona cinzenta”. Estamos a falar da Sérvia, onde vários utilizadores receberam emails a dizer que a sala iria deixar de providenciar jogos nessa região a partir de 10 de Setembro.  A suspensão vai para além do poker, com o email a dizer que o mesmo acontece na conta das apostas desportivas e de casino online da sala.

A Flutter, nova dona da PokerStars, já tinha anunciado que iria controlar de forma mais rígida os mercados em que a sala opera e que querem fazer uma contínua “avaliação do risco legal, regulatório e tributário” tendo já identificado “um pequeno número de mercados” que iriam abandonar. A Sérvia encontra-se nessa lista de países que a sala decidiu sair.

Em declarações ao Poker Industry Pro, um porta-voz da sala disse que a sala “saiu de vários mercados pequenos” desde a aquisição por parte da Flutter, acrescentando que isso “acontece todos os anos, estamos sempre a rever a nossa posição regulatória”.

A sala tem entrado e saído de alguns países. No início do ano abandonou o Chipre e alguns territórios ultramarinos franceses. Mas em contrapartida, regressou à Eslovénia e Eslováquia em Abril. Apesar disto, espera-se que de uma forma global a sala não venha a sofrer grandes perdas no volume de jogadores activos.

Em sentido oposto ao que aconteceu na Sérvia, a sala está, por exemplo, a reforçar a sua posição no Japão, também um mercado da “zona cinzenta”. A sala lançou recentemente satélites e torneios online freeroll para o Japan Open Poker Tour, um circuito de poker ao vivo patrocinado pela PokerStars.JP.

Oferta de €20 com Depósito Mínimo de €10
Partilha esta notícia

Sem Comentários



Deixe um Comentário


16/09/2020 Daniel Fidalgo Sem Comentários