PokerPT.com

PokerStars chega a acordo no Kentucky e vai pagar $300 milhões de indemnização

22/09/2021
Daniel Fidalgo

A disputa de 11 anos entre a PokerStars e o estado americano do Kentucky chegou finalmente ao fim com a Flutter Entertainment, empresa mãe da PokerStars, a acordar pagar $300 milhões de indemnização pelos danos causados ao estado.

A história remonta ao período entre 2006 e 2011, pré Black Friday, altura em que a PokerStars e Full Tilt permitiam que indivíduos do estado de Kentucky jogassem na sala. O estado americano levou o The Stars Group para a barra dos tribunais em 2010 e em 2015 viu o juiz Thomas Wingate dar-lhe razão, aumentado ainda o valor de indemnização de $290 milhões para $870 milhões.

O The Stars Group apelou da decisão e foi já em 2018 que o Tribunal de Recurso do Kentucky reverteu essa decisão e deixou a companhia livre de pagar qualquer valor ao estado americano. Mas o estado resolveu apresentar novo recurso, desta feita no Supremo Tribunal Estatal que voltou a reverter a decisão anterior.

Em Dezembro de 2020, a PokerStars, ou neste caso a Flutter Entertainment, foi condenada a pagar $1,3 mil milhões de indemnização, uma vez que aos $870 milhões iniciais acresceram ainda juros. Novo recurso da gigante das apostas em instâncias superiores levou a que finalmente fosse alcançado um acordo entre as partes.

A empresa de jogo acordou pagar $300 milhões pelos danos causados no estado, bem abaixo dos $1,3 mil milhões exigidos. Desse valor, $100 milhões foram já pagos como fiança do acordo, e $200 milhões serão entregues para resolver o caso fora dos tribunais e colocar uma pedra sobre o assunto.

Pacote de Boas-Vindas & Bónus de 100% até €500

Sem Comentários



Deixe um Comentário