PokerPT.com

7º Classificado no Main Event das WSOP Nick Marchington processado por grupo de staking

Nick Marchington poderia estar por estes dias a desfrutar do prémio de $1,525,000 do Main Event das WSOP 2019, onde foi sétimo classificado. Mas só que o jogador inglês de 21 anos está a braços com um processo na justiça, onde um grupo de staking reclama 10% dos seus ganhos neste torneio.

A história não é fácil de explicar para quem não está por dentro do “staking” de jogadores de poker. Apesar de a prática ser muito comum entre os jogadores profissionais, gera sempre muita confusão na hora de saber qual a “markup” que um jogador realmente vale num torneio, ou seja, o valor que esse jogador pede por percentagem do torneio.

No caso em questão, apesar da tenra idade e primeira vez no Main Event das WSOP 2019, Nick Marchington conseguiu vender acção no Main Event com markup de 1.2. Quer isto dizer que por cada $1 de torneio que vendeu, Marchington recebeu $1,2 dos seus investidores.

Ele aceitou vender 10% do Main Event ($1.000) com esta markup ao grupo de staking C Biscuit Poker Staking e por isso recebeu $1.200. Ele também aceitou vender 10% do Evento #70: $5,000 No-Limit Hold’em 6-Handed (o tal vencido por João “Naza114” Vieira), mas neste caso a markup foi de 1.1 e por isso recebeu mais $550 do grupo, para um total de $1.750

Detalhes do processo contra Nick Marchington

Long story short, os investidores David Yee e Colin Hartley do grupo de staking C Biscuit Poker Staking processaram o jovem inglês porque este alegadamente quebrou o contrato de staking.

Marchington mandou mensagem antes do evento em questão a cancelar o contracto para este evento. Mas os investidores alegam que Marchington apenas devolveu os $1.200 investidos após a entrada no Main Event, e por isso o contracto de staking permanece activo para o evento, pedindo por isso 10% dos ganhos no Main Event – $152.500.

Segundo o apresentado em tribunal, as duas partes estabeleceram o contracto no dia 29 de Maio, com Marchington a receber os fundos, $1.750, no dia 4 de Junho. Numa actualização sobre o assunto no dia 28 de Junho entre Marchington e os investidores, o inglês disse que “o mais provável é não jogar um desses eventos (5K ou Main Event)“. Com nova actualização no dia seguinte a revelar que não iria participar em nenhum dos torneios:

“Oi pessoal! Vou cancelar as minhas acções nas WSOP. Não irei para casa cedo.”

Confirmando que assim devia o reembolso de $1.750 que o grupo de staking lhe tinha enviado. Mais tarde, no dia 1 de Julho, e depois de umas WSOP com algum retorno, Marchington indica ao grupo de que poderá jogar o Main Event, pois espera vender a acção a uma markup de 1.7: “Talvez jogue o Main Event. Mandei mensagem a algum pessoal e posso vender acção a 1.7“.

As coisas começam a ficar estranhas depois, com a entrada de Marchington no $5,000 NLHE 6-Handed. O jogador inglês mandou mensagem aos investidores com o bilhete de entrada no torneio. Confusos, os investidores tentaram clarificar o estado do acordo:

“Oi Nick, suponho que esse $5k é com a nossa acção, obrigado. Suponho que o Main Event também continua reservado para nós?”

Onde Marchington respondeu:

“Sim, está reservado para vocês e já tenho um boa stack… não sei quanto ao Main Event. Peço desculpa pela confusão.”

O grupo ficou descontente por Marchington substituir o seu acordo no Main Event devido a uma markup superior. Independentemente disso, Marchington entrou no dia 1B do Main Event sem notificar o grupo do cancelamento.

“Estou a jogar o Main Event, mas infelizmente, o nosso acordo está cancelado. Sei que isto não é melhor prática, mas tenho que fazer o que é melhor para mim uma vez que estou a perder na viagem. Entrarei em contacto com vocês sobre o reembolso.”

Depois, as duas partes discutiram como iriam proceder ao reembolso dos $1.200 de acção. O C Biscuit Poker Staking tratou de arranjar uma pessoa de confiança a quem Marchington pagasse o reembolso pessoalmente, com Marchington a aceitar a situação. Em tribunal, Marchington escreveu que “se esforçou para entregar o dinheiro assim que cancelou o acordo e que o atraso se deveu ao grupo necessitar de encontrar uma pessoa de confiança para receber o reembolso”.

De quem é a razão?

De acordo com os advogados de Marchington, o seu cliente tem “a livre vontade de sair do acordo a qualquer momento”. Sublinham ainda que o acordo ficou sem efeito quando o C Biscuit Poker Staking aceitou receber o reembolso.

De qualquer forma, o processo será levado à barra dos tribunais para os respectivos advogados esgrimirem argumentos. Como é normal nestes casos, o Twitter já está inundado de opiniões sobre o assunto. Daniel Negreanu, sempre muito vocal sobre estas questões, está do lado dos investidores:

Curiosamente, Patrick Leonard, que tem também um grupo de staking, está do lado do jogador:

Quem pensas que tem razão neste caso de staking?

 

888poker

€8 Grátis + Bónus 100% até €400
Partilha esta notícia

Sem Comentários



Deixe um Comentário