PokerPT.com

Bilzerian e Perkins acusam JRB de batota mas tudo se resolveu

Uma nova acusação de batota chega-nos a partir das mesas privadas de high stakes de Las Vegas. Desta vez Bilzerian e Perkins acusam JRB de batota, num desses jogos. Mas depois de investigação, tudo ficou resolvido e a acusação caiu.

No passado mês de Maio, Bill Perkins fez uma denúncia, sobre jogadores profissionais de topo que participavam em mesas high stakes online, através da conta de outras pessoas. Dan Bilzerian revelou que Daniel Jungleman Cates era um desses jogadores que participava escondido através da conta de terceiros (o chamado ghosting). Jungleman acabou por admitir a culpa e pediu desculpas.

Agora Dan Bilzerian e Bill Perkins fazem nova acusação, e o alvo é Jean-Robert Bellande (JRB). Conhecido jogador que organiza diversos jogos privados de high stakes em Las Vegas.

Curiosamente, foi o próprio JRB a tornar pública a acusação, partilhando um print de uma conversa com Bilzerian no Whatsapp:

Esta semana estou a perder mais de $400K (apenas (80K naquela mesa), e o meu amigo, Dan Bilzerian vira-se contra mim = semana difícil. O engraçado é que acho que aqueles tipos estavam a dar nas vistas para o tentar impressionar. Neste momento estou muito aborrecido. (e continuo a defender aquela mesa). #falidoeaborrecido

Para sabermos do que falava Dan Bilzerian, visitamos a conta de Twitter de Bill Perkins, onde o nome de Jean-Robert Bellande não é mencionado, mas onde todos os conhecedores do poker high stakes de Las Vegas, identificaram o alvo:

És o anfitrião de uma mesa de poker e recebes rake por tempo, e também participas. Tens 50% da acção de outros 2 jogadores numa mesa que às vezes tem 7, 8, 9 jogadores. Como anfitrião, deverias alertar os outros jogadores dos quais não tens acção, dos interesses envolvidos?

Um dos comentários à pergunta/sondagem de Perkins, foi de Shaun Deeb:

Depende se o anfitrião também joga. Estas coisas são muito comuns em todas as partidas de high stakes. Surpreende-me que não esperes que isto aconteça em cada partida, Bill Perkins.

Outros profissionais, como Chris Hunichen e Mike Dentale não deram grande importância ao assunto, enquanto que o profissional suíço Andreas Froehli mostrou estar do lado de Perkins:

Imagina cobrar rake, saíres ganhador, e teres parte dos outros ganhadores da noite, e toda a gente aceitar isso na boa.

Depois do tweet, sondagem, Perkins publicou novo tweet:

Mais drama de batotas num home game de Vegas… Na minha opinião, pessoas que participam em jogos aldrabados, tornam-se imediatamente suspeitas.

A este tweet respondeu a jogadora Danielle Andersen, questionando a necessidade de lançar este tipo de tweets, que não mencionam ninguém e ao mesmo tempo podem lançar a sombra da dúvida sobre todos. Conversa entre Danielle e Perkins que terminou assim:

Como tu próprio dizes, o círculo de high stakes de Las Vegas é muito pequeno. Tu não acusaste directamente uma pessoa em particular, mas é como se o tivesses feito. Espero que as tuas palavras danosas tenham por base algo mais que o palpite de um amigo (o amigo sendo Dan Bilzerian, um dos participantes nas ditas mesas).

Felizmente a coisa acabou por se resolver, segundo Perkins:

Actualização: longa conversa entre o acusador e o acusado, eu e o MJ (não conseguimos identificar). Chegou-se a um acordo para se realizar uma investigação detalhada e divulgação dos acordos de backing. Agora mesmo parece improvável que tivesse sido um jogo correcto.

2ª Actualização: O perito analisou o equipamento, falou com os envolvidos, etc… e está muito confiante (acima dos 90%), que não existiu batota. O único ponto questionável é o ter acção de vários jogadores no jogo. Foi isto que levou à conclusão do acusador (mais algumas jogadas maradas).

Depois disto, Perkins recebeu alguns comentários a dizer que a continuar assim mais parece a história de Pedro e o Lobo.

*foto PokerCentral

€8 Grátis + Bónus 100% até €400
Partilha esta notícia

Sem Comentários



Deixe um Comentário