PokerPT.com

OE2018 abre caminho a apostadores estrangeiros

Segundo a secção de desporto do portal sapo.pt, o regime que regula o jogo online em Portugal prepara-se para permitir que apostadores estrangeiros joguem no mercado nacional, alteração à lei que os operadores têm reivindicado e da qual o poker online em mercado partilhado poderá estar dependente.

A agência Lusa continua com a informação que uma versão preliminar do OE2018 – Orçamento de Estado – contém previstas alterações no sentido de “permitir que as operadores de jogo online possam ser autorizadas a disponibilizar jogos e apostas online em jogadores registados no domínio .pt e jogadores cujos acessos se estabeleçam a partir de localizações situadas fora do território português e se encontrem registados noutro domínio.”

A alteração parece responder às críticas do sector, com a Remote Gambling Association (RGA) a considerar, em Abril, que o nível de regulamentação em Portugal precisa de “uma revisão urgente de forma a tornar-se mais competitivo”. Segundo Pierre Tournier, da RGA:

“Os jogadores portugueses só podem jogar com jogadores portugueses, não podem jogar com apostadores estrangeiros. Para ser um produto verdadeiramente atrativo, seria benéfico abrir o sistema e permitir um sistema de liquidez partilhada”

Outras alterações do âmbito do jogo online compreendem o aumento do montante líquido do imposto especial de jogo online nas apostas desportivas à cota, com aumento de 2,28% para 3,17% da percentagem que reverte para o Estado, o crescimento da percentagem que promove o apoio à família, crianças e jovens em risco, idosos, de combate à pobreza e de promoção da inclusão social, de 34,52% para 48,05%, e ainda alterações na divisão do bolo total entre os vários ministérios (Saúde, Segurança Social, etc).

Será este mais um passo para voltarmos a poder competir online com outros jogadores que não os do nosso rectângulo?

Ao fazeres um Primeiro Depósito mínimo de €10 na PokerStars.pt, tens direito a €20 Grátis, utilizando o Código de Bónus BOLT.

Partilha esta notícia

1 Comentário

brunoVJ há 1 mês

O problema é que Portugal vai enveredar pelo caminho pior em termos de partilha de liquidez, vamos para uma liquidez partilhada com 3 mercados, que já de si provaram ser mercados pouco atractivos. A situação ideal e pretendida pela larga maioria de jogadores/apostadores seria o mercado de liquidez internacional, mas parece que outros interesses se elevam...



Deixe um Comentário

Os comentários efectuados por utilizadores não registados terão de ser aprovados por um moderador. Pode fazer Login ou, se ainda não é membro, Registar-se de forma a poder comentar sem moderação.