PokerPT.com

Howard Lederer escreveu carta a ‘pedir desculpa a todos da comunidade de poker’

20/05/2016
Eduardo

Foi no blog da Daniel Negreanu que Howard Lederer, ex-responsável da Full Tilt Poker, escreveu o há muito aguardado pedido de desculpas a toda a comunidade de poker, e em particular os jogadores que ficaram com dinheiro preso na FTP.

Aquando do encerramento da sala, Lederer deu uma entrevista que ficou conhecida pelos Lederer Files, onde nunca assumiu de verdade a sua quota parte de responsabilidade em todo o imbróglio que levou ao encerramento da sala.

Eis a carta/declaração de Howard Lederer:

Escrevo para pedir desculpa a todos da comunidade de poker, especialmente a todos os jogadores que tinham dinheiro na Full Tilt Poker a 15 de Abril, de 2011. Quando a Full Tilt Poker fechou em 2011, havia um défice nos fundos, um processo de venda exaustivo, e uma longa demora no pagamento dos jogadores. Durante este período, foram dadas poucas explicações para os atrasos, e nenhuma desculpa. Os jogadores sentiram-se enganados. Eles confiaram no site, e confiaram em mim, e eu não soube estar à altura dessa confiança.

Assumo total responsabilidade pelo falhanço da Full Tilt em proteger os depósitos dos jogadores, pré Black Friday. O défice nos depósitos de jogadores nunca deveria ter acontecido. Eu deveria ter feito uma melhor supervisão ou assegurar-me que outras pessoas responsáveis forneciam essa supervisão. Eu fui fundador da empresa que lançou a Full Tilt, e tornei-me a cara da administração da empresa no seio da comunidade de poker. Muitos dos nossos jogadores jogavam no site porque confiavam em mim.

Apesar de já não estar a supervisionar as operações do dia-a-dia, a minha falta de atenção durante os dois anos anteriores à Black Friday colocaram em perigo os depósitos dos jogadores. O meu envolvimento com a Full Tilt entre 2003 e 2008 colocou-me numa posição única de confiança – uma confiança que eu desapontei falhando na missão de assegurar que a Full Tilt estava a ser correctamente gerida após a minha saída em 2008. A minha falha em assegurar uma supervisão apropriada quando saí, resultou na situação que começou a conhecer-se após a Black Friday. Os jogadores não conseguiram ter o seu dinheiro de volta em menos de ano e meio, no mínimo, e muitos tiveram de esperar muito mais. Toda a minha vida de adulto fui um jogador de poker. Sei bem da importância de ter acesso à nossa banca. A oportunidade perdida, frustração, e ansiedade que muitos clientes da FTP viveram nos anos seguintes é inaceitável. Não consigo pedir desculpas suficientes, pelo que se passou.

Durante a ascensão da Full Tilt, recebi muitas felicitações, na altura não percebi, mas deixei que a fama me mudasse. Nos primeiros dois anos após a Black Friday, dei muitas desculpas, aos os meus amigos, à minha família, a mim próprio, explicando porque é que eu não era o mau da fita, o cabecilha, o que estava errado. Nos meses imediatamente a seguir à crise, concentrei muita energia tentando refutar as alegações que factualmente não eram verdadeiras. Convenci-me que eu era uma vítima das circunstâncias e que as críticas estavam a ser injustamente dirigidas a mim, em vez de a outros. Não estava a ver o quadro todo.

Num casamento no Outono de 2014, estava sentado com um amigo, a falar sobre a Full Tilt. Eu estava a queixar-me do rumo tão injusto que a minha vida tinha tomado. O meu amigo não foi de falinhas mansas comigo. E agora vou pafafrasear o que ele disse: “Howard, não interessa se sabias da falta de dinheiro ou o que fizeste para ajudar a que os jogadores recebessem o seu dinheiro. Estes jogadores sentem que tu lhes mentistes. Tu eras a cara da empresa na comunidade de poker. Milhares de jogadores jogavam no site porque confiavam em ti. Muitos profissionais representavam o site porque pensavam que tu gerias aquilo. E tu alegremente ficavas com a fama ao mesmo tempo que falhavas na confiança dada por eles.”

Na altura a resposta do meu amigo foi como que um estalo na cara, mas agora é claro para mim que foi justa. Um pedido de desculpas não é suficiente, mas é o que posso oferecer à comunidade de poker após uma tragédia que eu não deveria ter permitido que acontecesse. Peço desculpa.

Podem ver o original aqui.

Acompanha o nosso Twitter Facebook para ficares a par das novidades do poker nacional e internacional.

1 Comentário

CALLIBAN há 6 anos

6 anos depois...Bem se pode ir Fo... com a treta das desculpas.



Os comentários não são permitidos de momento

Deixe um Comentário