Chris Ferguson tem até 14 de Maio para responder pelas acusações da Black Friday

O juíz Leonard B. Sand assinou no passado dia 27 de Março, um prolongamento de prazo de resposta de Chris Ferguson às acusações que sobre ele recaem desde a Black Friday.

Ferguson foi identificado pelo Departamento de Justiça norte-americano como tendo tido um papel crucial nas operações da Full Tilt no que o próprio departamento de justiça descreveu como um “esquema de ponzi global” que terá movimentado $440 milhões.

Foi o próprio Ferguson que pediu tempo extra para responder às queixas.

Quanto ao processo de venda da Full Tilt, nada de novo.

Partilha esta notícia

2 Comentários

litleriver há 6 anos

Chris Ferguson, como vai apresentar a sua defesa no dia a seguir a N. Senhora de Fátima, já tem a redação da mesma terminada e vai "rezar" assim: "Jesus Christ!!!"

brunOWN há 6 anos

Que palhaçada ... Aos meses adiar o processo e nunca mais é de dia !!



Deixe um Comentário

Os comentários efectuados por utilizadores não registados terão de ser aprovados por um moderador. Pode fazer Login ou, se ainda não é membro, Registar-se de forma a poder comentar sem moderação.