PokerPT.com

Shaun Deeb reclama dívida a ex-jogador do Poker After Dark David Peat

Shaun Deeb foi infectado com COVID-19 durante a sua passagem pelo México para jogar o World Championship of Online Poker (WCOOP) na PokerStars. O jogador americano já ultrapassou a doença, está de regresso a casa e continua com pimenta na língua nas suas publicações do Twitter.

Desta vez, a vítima dos ataques de Deeb foi um jogador pouco conhecido deste lado do planeta, mas que em tempos entrou nas nossas vidas ao participar no velhinho programa de televisão Poker After Dark. Estamos a falar de David Peat, ou  “Viffer” como é conhecido. Tudo surgiu no Twitter, após Deeb falar da sua superação à doença:

“Preferia que as pessoa simplesmente me pagassem as suas dívidas, como as tuas”, pode-se ler no tweet de Deeb.

Peat diz que já pagou esta dívida a Deeb e a partir daqui a conversa começou a escalar, com “Viffer” a propor uma aposta para terminar com a disputa:

De acordo com Deeb, a dívida era de outra pessoa e foi comprada por ele há sete anos por $32.000. A identidade do outro jogador não foi revelada, nem a razão para Deeb comprar esta dívida, mas Peat dobrou a sua oferta na aposta:

Deeb diz que Peat não tem esse dinheiro todo para apostar e sugere que ele coloque $132.000 ($100.000 d aposta mais $32.000 da dívida) para os seus $50.000.

Mais complicado, em toda a troca de acusações parece ser arranjar um árbitro para aposta, uma vez que muitas jogadores conhecidos quiseram-se afastar desta disputa. Matt Glantz foi um deles, mas outros seguiram-lhe o exemplo, com os detalhes da aposta e o árbitro a não serem ainda conhecidos.

€8 Grátis + Bónus 100% até €400
Partilha esta notícia

Sem Comentários



Deixe um Comentário