PokerPT.com

Qing Liu conquista WPT Venetian com muita controvérsia à mistura – $752.880

10/03/2021
Daniel Fidalgo

Fichas a rolarem, cartas no ar, máscaras, mesas com separadores de acrílico e controvérsia marcaram o regresso de um dos maiores torneios ao vivo a Las Vegas. O WPT Venetian culminou com a vitória de Qing Liu para $752.880 de prémio.

O WPT Venetian foi disputado entre 5 e 9 de Março, em Las Vegas. O torneio com $5.000 de buy-in atraiu para as mesas do famoso casino, que vai mudar de mãos, cerca de 937 entradas para um prize pool distribuído de $4.333.625. No total, 118 jogadores arrecadaram prémio nestes 5 dias de competição.

Apesar do aliviar de muitas medidas restrictivas nos casinos de Las Vegas, este torneio foi disputado em mesas de oito jogadores, separados por painéis de acrílico e com o uso obrigatório de máscara. E foi devido às limitações no número de jogadores por mesa que a polémica estalou na bolha da mesa final.

Polémica na bolha da mesa final

Com dez jogadores em prova, a direcção do torneio anunciou que iria manter duas mesas de quatro jogadores quando estivessem apenas oito jogadores, antes de reunir o field numa só mesa com sete – mesa final não oficial – e chegar depois ao aos seis finalistas.

Isto deve-se a duas regras: em torneios com mesas de oito jogadores, a mesa final deverá ser de nove jogadores; na impossibilidade de formar uma mesa com nove jogadores (devido às medidas restrictivas), a direcção decidiu que o torneio iria ter uma mesa final de seis jogadores, com os jogadores a reunirem-se na mesma mesa quando estivessem sete em prova. Isto acontece devido a outra regra da TDA, que determina que as duas mesas antes da mesa final devem estar equilibradas em número de jogadores, ou seja, com número par, para que não existam jogadores prejudicados em blinds numa das mesas – a que tem menos um jogador.

Alguns dos 10 jogadores em prova não gostaram do anúncio da direcção do torneio e Jared Jaffee utilizou a sua conta do Twitter para se insurgir contra a regra da mesa final não oficial com sete jogadores, imposta por Matt Savage, director do WPT, e o passar de responsabilidades do director do torneio do Venetian Tommy Larosa:

Matt Savage indicou que as regras para a mesa final já estavam estabelecidas antes do início do torneio e que Larosa fez um bom trabalho para resolver a situação:

Já com a mesa final oficial definida surgiu novo drama. Desta vez com a notícia de que um dos finalistas teria que ser operado de urgência. Roland Rokita estava na segunda posição da contagem e em risco de faltar à mesa final:

Felizmente, com algumas horas de atraso, a mesa final foi jogada com todos os jogadores bem de saúde.

Vitória de Qing Liu

O atribulado torneio terminou com a vitória de Qing Liu que levou para a sua conta $752,880 de recompensa. Ele bateu o bem conhecido Joe McKeehen no heads-up final com tudo a ficar decidido nesta mão:

Joe McKeehen vai all-in de 3.300.000 fichas e Qing Liu dá call com K4. McKeehen tem K7 e parte à frente para a corrida.

Na mesa sai 64296 para a vitória de Qing Liu no torneio.

Curiosamente, Qing Liu é também um dos finalistas do WPT Gardens Poker Championship na Califórnia. A mesa final deste evento foi adiada no ano passado devido à pandemia e vai ser jogada no próximo dia 31 de Março, mais de um ano depois do início do torneio que foi disputado em Janeiro de 2020.

Classificação da mesa final do WPT Venetian:

  1. Qing Liu  –  $752,880
  2. Joe McKeehen  –  $491,960
  3. Roland Rokita  –  $363,235
  4. Jack Hardcastle  –  $271,050
  5. Kou Vang  –  $204,430
  6. Trace Henderson  –  $155,865
€8 Grátis + Bónus 100% até €400

Sem Comentários



Deixe um Comentário