PokerPT.com

Lucro da partypoker sobe 60% durante a 1ª metade de 2020

A GVC Holdings, empresa mãe da partypoker, lançou hoje o boletim informativo sobre os resultados da empresa durante o primeiro semestre de 2020. Apesar dos números não serem favoráveis de uma forma geral para o grupo, a passagem pelo período de pandemia parece ter sido um sucesso.

Em termos de receitas liquidas, a GVC caiu 10,7% durante primeira metade do ano, quando comparada com 2019. A empresa chegou aos £1.582.500.000 em 2020, abaixo dos £1.782.100.000 recolhidos em 2019. Esta diminuição deve-se maioritariamente ao fecho das casas de apostas no Reino Unido e União Europeia que afectaram negativamente os resultados da companhia.

No outro extremo, as receitas produzidas pelos jogos online aumentaram 19% durante este período e balancearam os resultados. A GVC angariou £1.245.100.000 através dos seus canais online durante este período. Mesmo com muitos desportos a cancelarem os seus eventos, o grupo conseguiu um crescimento de 4,8% nas apostas desportivas.

A sustentar o aumento das receitas online está a partypoker que, segundo o relatório, aumentou as seus lucros em 60% durante a pandemia, algo que já se previa pelas notícias que trouxemos na altura acerca do aumento do tráfego online. A sala de poker online continua a ser aposta do grupo, que mais uma vez sublinhou que quer tornar este nome numa marca nacional de poker nos Estados Unidos, no qual conta com a ajuda da MGM como parceiro de negócios. A empresa vê ainda o reconhecimento mundial das marcas Bwin e partypoker como uma oportunidade de capitalizar o negócio.

Resultados da GVC Holdings 1º Semestre - Online

€8 Grátis + Bónus 100% até €400
Partilha esta notícia

Sem Comentários



Deixe um Comentário