PokerPT.com

Borgata recebe permissão para apresentar queixa contra Ivey no Nevada

06/02/2019
PavlovDoorman

A empresa mãe do Borgata (casino de Atlantic City, em New Nersey), a Marina District Development Corp. LLC, recebeu autorização de um juíz do US District Court para apresentar a sua queixa no Nevada, estado onde se situa a residência oficial de Ivey. Passo essencial para o Borgata tentar penhorar os bens de Ivey.

Este processo entre o Borgata e Ivey é uma luta que dura há já vários anos, em concreto desde 2014, quando o Borgata acusou Ivey de fazer batota a jogar Baccarat, recorrendo ao edge sorting (identificou padrões de má impressão no verso das cartas). As sessões ocorreram em 2012, e Ivey ganhou então $9,6 milhões. A queixa do Borgata seguiu-se a uma outra queixa similar, do Crockfords Casino, no Reino Unido, também referente a sessões high stakes de Baccarat em 2012 (Ivey ganhou £7.8 milhões, que o casino se recusou a pagar).

Em Outubro de 2014, o juíz John Mitting deu razão ao Crockfords, declarando ilegal o edge sorting de Ivey. E o Borgata foi atrás desta decisão, para reclamar que o jogador norte-americano não só devolvesse os $9,6 milhões, mas que pagasse um total de $15,5 milhões, os $9,6 milhões ganhos na mesa e $5,4 milhões que estimou que Ivey perderia a jogar se não tivesse recorrido ao edge sorting.

Dois anos depois, o juíz Noel Hillman deu razão ao Borgata, mas não concordou com os valores apresentados e ordenou o pagamento de $10,100,000. Incluindo assim o dinheiro ganho nas mesas de Baccarat e o que ganhou a jogar dados, entre as sessões de baccarat.

Saltando até Outubro do ano passado, e já depois de Ivey ter apresentado recurso da decisão do juíz Hillman, o Borgata respondeu com o seu próprio recurso. Alegando que Ivey e a sua parceira de jogo, cometeram fraude e violaram as leis RICO. Algo que o juíz Hillman tinha recusado. Em caso de vitória o casino pode receber o triplo, quase $30 milhões.

E voltando ao presente, o juíz Hillman declarou que a empresa mãe pode agora apresentar o processo no Nevada, sendo assim possível identificar os bens de Ivey, e avançar para uma possível tomada de posse dos mesmos.

Apesar disto, continuam a correr os dois recursos, o de Ivey e o do próprio Borgata.

Já nos segues no Facebook? Instagram? Youtube?

Sem Comentários



Deixe um Comentário