PokerPT.com

Poker antes, agora e mais com Annette Obrestad

Foi como Annette_15 que se deu a conhecer ao mundo, mas foi a conquista do WSOPE Londres 2007 que colocou o nome de Annette Obrestad na história do mundo do poker. Um ano depois, a norueguesa passou por Portugal e hoje, uma década depois, está por Las Vegas no grind.

Numa entrevista à PokerListings, Annette recorda os momentos após a sua maior conquista no poker.

“Depois de ter ganho o torneio em Londres, perguntei-me: O que há mais a fazer? Nunca irei superar isto. Será tudo quase a descer daqui.”

Há claro um torneio que ultrapassaria a marca do Main Event na Europa.

“A não ser que consiga ganhar o Main Event em Las Vegas, ou parecido, nunca irei conquistar algo como aquele outra vez. É apenas a realidade da situação.”

Nesta última década, Obrestad acrescentou mais $1.400.000 aos prémios amealhados, com resultados gordos na Austrália e no antigo EPT, continuando a aproveitar o jogo.

“Tenho jogado um pouco, mais online nestes dias. Há alguns jogos privados em sites de play money. Estou a tentar entrar em PLO cash game, mas não é muito a minha coisa.”

A norueguesa destaca a diferença do jogo online entre os tempos em que era uma das jogadores mais temidas dos panos verdes e da actualidade, com mercados fragmentados.

“Não é comparável o online agora do que era antes. É quase impossível hoje em dia de fazer uma boa vida a jogar poker. É muito difícil.”

Sobre se era possível repetir o feito de conquistar um torneio sem ver cartas, Annette afirma que “provavelmente não. Teria que ser um $1 Sit&Go ou parecido”.

Naturalmente, a jovem norueguesa olha para o poker com outros após 10 anos de grind.

“Eu gosto do jogo mas não é o mesmo. Parece mais um trabalho do que parecia antes. Não tenho o mesmo desejo de ser melhor. Agora é mais, “oh, parece que vou jogar poker”. Embora ainda seja divertido quando estás sentada.”

Na história como a mais jovem vencedora dum evento WSOP, com 19 anos quando derrotou John Tabatabai pelo £1 milhão na capital inglesa, Annette reconhece alguma imaturidade na forma como geriu os seus ganhos.

“Há uma ou outra coisa que mudava em termos de como geri o dinheiro. Era jovem e com a ideia “oh, o dinheiro cresce nas árvores. Vou comprar 10 malas Chanel. Desperdicei muito dinheiro em coisas estúpidas que não deveria mas ao mesmo tempo aproveitei-o e foi parte da experiência de ganhar. Não sei se voltaria atrás, mas se ganhasse outro grande torneio não faria a mesma coisa”.

A todos os jovens que consigam uma vitória da mesma magnitude, Obrestad deixa o conselho:

“A espontaneidade não é sempre o melhor caminho. Apenas pensa em tudo antes de o fazer.”

Para fechar, Annette indica que tem um olho sobre os eventos de Verão de Las Vegas.

“Provavelmente jogarei todos os dias, quer no Rio ou no Venetian ou outro. Não acho que vá jogar qualquer dos eventos maiores do que $3.000. Jogarei o Main Event obviamente.

De Las Vegas continuam a chegar novidades, notícias e resultados, com ainda muito poker para se disputar nas World Series Of Poker e não só. A ver se Obrestad consegue reviver alguma da glória conseguida da Europa durante a época alta de 2017.

Ao fazeres um Primeiro Depósito mínimo de €10 na PokerStars.pt, tens direito a €20 Grátis, utilizando o Código de Bónus portugal20.

Partilha esta notícia

2 Comentários

santana há 5 meses

Para começar serie de noticias começ-se por o mais fraquinho

CALLIBAN há 5 meses

Consigo pensar em 50 jogadores mais interessantes...e acho que a maior parte dos leitores concorda comigo...



Deixe um Comentário

Os comentários efectuados por utilizadores não registados terão de ser aprovados por um moderador. Pode fazer Login ou, se ainda não é membro, Registar-se de forma a poder comentar sem moderação.