PokerPT.com

Kentucky processa Amaya em $290 milhões

18/12/2015
Eduardo

O juíz Thomas Wingate deu razão ao estado do Kentucky, que pretende ser ressarcido em $290 millhões pelos donos da PokerStars e Full Tilt. O Amaya Gaming Group já reagiu e diz que caso seja obrigado a pagar, irá atrás dos ex-donos.

Este é um caso que parecia enterrado desde 2013, quando o governo federal deu $6 milhões ao estado do Kentucky. Dinheiro proveniente dos $731 milhões que a PokerStars pagou no acordo com o departamento de Justiça, que envolveu a compra da Full Tilt.

Mas apesar desse dinheiro o Kentucky não desistiu e avançou com novo processo. Este estado pretende ser ressarcido por a PokerStars e Full Tilt terem aceite depósitos de jogadores locais, entre 2006 e 2011 (violando as leis anti-jogo do estado).

A Poker Players Alliance pretende fazer parte deste processo, e reclamar para si a eventual multa que o Amaya Gaming Group terá de pagar. O seu fundamento, é que representa os 14.000 jogadores que fizeram os depósitos durante o período mencionado, e por isso deve ser a associação a receber o dinheiro.

Este é um processo que não ficará por aqui, pois com certeza o Amaya Gaming Group irá recorrer, mas a direcção dos novos donos das salas já fizeram saber que caso sejam obrigados a pagar alguma quantia, irá falar com os anteriores donos da PokerStars para que estes paguem a multa.

Acompanha o nosso Twitter Facebook para ficares a par das novidades do poker nacional e internacional.

Sem Comentários



Deixe um Comentário