PokerPT.com

E se as grandes salas saíssem de Espanha?

O jornal de economia espanhol Cinco Días publicou esta manhã uma notícia que pode cair que nem uma bomba no futuro mercado regulado espanhol. Ao que parece as grandes salas de jogo online estarão a ponderar sair de Espanha.

E porquê? Ao que parece a Oficina de Investigación Contra el Fraude está a investigar uma dezena de empresas de jogo online, a fim de decidir se estas devem pagar impostos pelos exercícios em que operaram no mercado espanhol, antes da legalização do jogo. Sendo que até ao ano passado não havia qualquer legislação sobre o jogo online, nem qualquer imposto sobre o mesmo.

Fontes ligadas ao sector, disseram ao Cinco Días que as empresas pretendem cooperar com as investigações da Agência Tributária, desde que tal facto não esteja interligado com a atribuição das licenças de jogo (que começarão a ser entregues a 1 de Junho).

80% das receitas do mercado espanhol de jogo online pertencem à Bwin, Miapuesta, Bet365 e PokerStars, e estas ponderam deixar de operar em Espanha, se a inspecção resultar numa multa pecuniária, que poderá atingir valores milionários.

Diz a fonte que “existe uma possibilidade real de os grandes operadores não ficarem em Espanha, já o dissemos a Enrique Alejo (director geral da Ordenación del Juego) e temos dúvidas sobre a possibilidade legal de exigir impostos de forma retroactiva.”

Alejo, na conferência GaminginSpain que decorreu esta mesma semana em Madrid, disse que a partir de 1 de Junho todas as empresas sem licença serão perseguidas e anunciou também a colaboração com as companhias de telecomunicações e as empresas que processam os pagamentos.

Acompanha o nosso Twitter e Facebook para ficares a par das novidades do poker nacional e internacional.

Partilha esta notícia

1 Comentário



Os comentários não são permitidos de momento

Deixe um Comentário