Nova hipótese nos EUA: regulamentação apenas para poker online

É a nova estratégia do Congresso é travar a regulamentação do jogo online e apenas avançar com uma lei para o poker online. A ideia surge da união dos Senadores John Kyl e Harry Reid que pretendem uma regulamentação ao nível federal e não estadual.

Já não é de agora a disputa entre os Estados e o poder central, federativo, sobre a regulamentação do jogo online, em particular o poker. A diferença de opiniões criou uma estranha aliança entre o líder da maioria democrata no Senado, Harry Reid, e o republicado Jon Kyl, um dos responsáveis pela batalha anti-poker em 2005.
 
A nova cartada de Reid e Kyl consiste num projecto-lei que se apoia no poker online como “moeda de troca” para conseguir apoios bipartidários no Senado. Desta forma, Reid conseguiria o seu objectivo de longa data de legalizar o poker online nos Estados Unidos, pelo qual não se importará de sacrificar os restantes jogos online, que os Republicanos e o lobby dos casinos não querem ver ao alcance das lotarias dos EUA.
 
A notícia do Wall Street News não aponta datas para a apresentação do projecto, mas tal não deverá ser muito diferente do que é impulsionado pelo Estado do Nevada, que Reid representa, apoiado pela indústria de casinos e elaborado para um futuro mercado de poker online onde a Comissão de Jogos do Nevada emitirá licenças de jogo.
 
Ainda assim, tanto Harry Reid como Jon Kyl estão nas suas últimas legislaturas como Senadores, o que deverá significar que este projecto não deverá tardar a ser tornado público, provavelmente ainda antes da tomada de posse do novo Presidente dos Estados Unidos a sair eleito em Novembro.
Partilha esta notícia

Sem Comentários



Deixe um Comentário

Os comentários efectuados por utilizadores não registados terão de ser aprovados por um moderador. Pode fazer Login ou, se ainda não é membro, Registar-se de forma a poder comentar sem moderação.