Fernando Brito 2º no Evento #72: $1.500 Mixed NLH/PLO 8-Handed ($122.032); Jordan Polk vence

Quando há 9 anos atrás Fernando Brito participou pela primeira vez nas World Series Of Poker estaria longe de imaginar o que o futuro lhe reservava neste jogo.

O primeiro cash nas World Series Of Poker surgiu em 2010 e desde aí já passou 41 vezes pela caixa recebendo $783.297.

Há um ano atrás Brito foi oitavo no Evento #64: $1.500 No-Limit Hold’em/Pot-Limit Omaha 8-Handed Mix ($26.216) e um ano volvido esteve perto de alcançar o ouro no mesmo evento.

Brito arrancou para o último dia de prova do Evento #72: $1.500 Mixed No-Limit Hold’em/Pot-Limit Omaha 8-Handed no quinto lugar da contagem que ainda albergava 15 jogadores.

As eliminações foram-se dando e Brito foi continuando em prova, muito ao seu jeito, e entrou na mesa final no terceiro lugar do chip count. Com 5 jogadores em prova Brito eliminou o inglês Samuel Welbourne numa mão de Hold’em.

Fernando abriu no cutoff com raise para 80.000 e Welbourne encostou 300.000 na cadeira ao lado, só o luso pagou.

Welbourne mostrou 1010 e Brito QQ, a board correu 9A286 e Fernando ficava com a terceira maior stack das quatro em jogo.

A stack melhorou um pouco, sempre sem grandes alaridos, e Brito voltou à ribalta para colocar o torneio heads-up.

Jesse Vilchez fez open shove de 430.000 e Brito pagou.

Vilchez: 109
Brito: A3

Board: k5J62

Esta eliminação não ajudou muito a stack do luso e o heads-up arrancou com uma desvantagem de 3 para 1 frente a Jordan Polk. Fernando ainda conseguiu alcançar a liderança mas perdeu-a num pote de PLO.

Polk abriu o pote com mini-raise e Brito fez call. O flop foi 53A e Brito fez check/call a 110.000. A 5 foi a carta di turn e mais uma vez o luso usou do check/call, agora a 225.000.

O river foi uma 6 e ambos fizeram check, Brito mostrou uma par de setes e Polk levou o pote com J1095.

Polk subia aos 3.3 milhões e Brito ficava com 2 milhões.

Pouco depois viria a mão que deixaria Brito com menos de um milhão de fichas, mais precisamente 685.000.

Polk abriu o pote com raise para 125.000 e Brito defendeu a blind. O flop foi 256 e ambos fizeram check.

O turn foi uma 4 e Polk apostou 175.000, check/call do luso.

o river foi uma 4 e Brito fez check novamente, Polk apostou 275.000. Brito pagou e viu par de ternos nas mãos de Polk. Brito ficou comm 685.000 e dobraria em seguida de A7 contra QJ com a board a correr 48328.

Foi com essas 1.370.000 que entrou na mão que infelizmente ditaria a eliminação.

A jogar-se hold’em, Brito abriu o pote lançando uma ficha de 100.000 mas o dealer considerou call. Polk optou por fazer raise para 250.000 e o luso pagou.

O flop foi 5QJ e Polk apostou 300.000 fichas, Brito anunciou all in. Polk pagou rapidamente com AQ e o luso mostrou KJ.

O turn foi um [As] e o river não foi um terceiro valete ou um dez, foi uma 5.

Assim terminou mais uma capítulo desta história que está longe do fim.

“Depois do oitavo no ano passado e do segundo este ano, para o ano que vem é pra ganhar!” disse Brito.

Parabéns Fernando!

Prémios Mesa Final

Lugar

Nome

País

Prémio

1

Jordan Polk

EUA

$197.461

2

Fernando Brito

Portugal

$122.032

3

Jesse Vilchez

EUA

$85.320

4

Dan Matsuzuki

EUA

$60.556

5

Samuel Welbourne

Reino Unido

$43.641

6

Ryan Leng

EUA

$31.942

7

Kevin Iacofano

EUA

$23.751

8

Alexander Ziskin

EUA

$17.945

foto: WSOP.com/Melissa Haereiti

Ao fazeres um Primeiro Depósito mínimo de €10 na PokerStars, tens direito a €20 Grátis, utilizando o Código de Bónus portugal20.

Partilha esta notícia

Sem Comentários



Deixe um Comentário

Os comentários efectuados por utilizadores não registados terão de ser aprovados por um moderador. Pode fazer Login ou, se ainda não é membro, Registar-se de forma a poder comentar sem moderação.